Melhores práticas empresariais para paisagismo sustentável

À medida que o movimento de consciência ecológica ganha impulso, a adoção de princípios mais ecológicos pode ser um poderoso catalisador para o crescimento dos negócios. As empresas de hoje estão numa posição única para demonstrar o seu compromisso com a gestão ambiental através da implementação destas práticas de paisagismo sustentável. 

Conservação da Água

AROUND 22% do uso de água por edifícios de escritórios é para paisagismo. Esta taxa provavelmente será maior nas regiões mais secas do país. No entanto, a água é um recurso tão escasso que usá-la para manter os gramados comerciais exuberantes e ao mesmo tempo 2.7 bilhões de pessoas enfrentam escassez anualmente é simplesmente impraticável.

As empresas podem contribuir para os esforços globais de conservação através de técnicas eficientes de irrigação e sistemas de recolha para captar a água da chuva no local. Outra opção é agrupar as plantas de acordo com suas necessidades de hidratação, minimizando o desperdício. 

Cultivo de Plantas Nativas

A retirada das árvores e flores que já existem para plantar vegetação exótica pode levar a uma perda substancial de biodiversidade. Além disso, a manutenção de arbustos estrangeiros pode ser cara, impactando assim os resultados financeiros das empresas. 

O paisagismo com plantas nativas é muito mais sustentável e econômico. Por um lado, as plantas locais já fazem parte do ecossistema estabelecido da região, por isso requerem menos manutenção. Eles também têm maior probabilidade de atrair e sustentar espécies endêmicas, o que é ótimo para o meio ambiente. 

Posicionamentos estratégicos de árvores 

Usar árvores para fornecer sombra pode ser uma forma eficaz de reduzir o consumo de energia. Isso envolve plantá-los nos lados sul e oeste do edifício para bloquear os raios solares. Eles perdem as folhas durante o inverno, tornando mais fácil para o calor solar fornecer calor interno. 

Em alguns casos, as árvores também podem aumentar o apelo ao ar livre. Por exemplo, redbuds orientais crescer para cerca de 20-30 pés e pode iluminar qualquer paisagem com suas deslumbrantes flores rosa e brancas. Eles também são tolerantes à seca e podem prosperar com pouca manutenção, uma vez totalmente crescidos. 

Pavimentação Permeável

O uso de materiais porosos em vez de asfalto ou concreto para pavimentação paisagística pode proporcionar vários benefícios ambientais. O pavimento permeável permite que a água da chuva e o derretimento da neve se infiltrem lentamente no solo. Isto reduz o volume de escoamento descontrolado, que é uma importante fonte de inundações e poluição. A pavimentação porosa pode absorver a água da chuva para reabastecer o subsolo em ambientes áridos. 

Fertilizantes Orgânicos e Controle de Pragas   

Pesticidas e fertilizantes químicos agressivos não têm lugar no paisagismo sustentável. Eles são prejudiciais ao meio ambiente e à saúde humana. Os herbicidas pulverizados podem contaminar a água, o solo e outra vegetação da área, perturbando o equilíbrio do ecossistema. 

Também existe algum risco de reputação para as empresas. No meio de estruturas ESG em rápida expansão, nenhuma empresa pode dar-se ao luxo de aparecer nos meios de comunicação social por utilizar estes produtos nocivos para manter o seu paisagismo. 

Preservação da Qualidade do Solo

Proteger o solo da degradação é uma prática proeminente de paisagismo verde. Envolve tratar o solo como um ecossistema vivo que precisa de reposição e sustento. Boas práticas de conservação podem minimizar a perda de fertilidade do solo devido à erosão e à poluição química, melhorando a sua capacidade de sustentar a vida vegetal e reter água. 

A preservação adequada também requer a utilização de equipamento especializado para minimizar o impacto potencial da maquinaria pesada na compactação do solo. As máquinas multi-terreno são ideais para locais com terrenos macios e áreas protegidas por relva, porque distribuir o peso sobre uma superfície ampla área em comparação com equipamentos com rodas. 

Iluminação sustentável

A instalação de iluminação paisagística alimentada por energia solar pode reduzir a dependência da energia proveniente de combustíveis fósseis, que são os principais impulsionadores das alterações climáticas. Quanto mais sistemas puderem fazer a transição para fontes de energia renováveis, melhor para o planeta. 

Essa abordagem também oferece benefícios financeiros significativos. A iluminação externa requer cerca de 1.3 quatrilhão de BTUs, custando US$ 10 bilhões anualmente. Os LED energeticamente eficientes podem reduzir estes custos para metade. Eles também têm uma vida útil mais longa, reduzindo despesas de reposição. 

Métodos de Permacultura

A permacultura é a prática de cultivar espécies mutuamente benéficas para apoiar processos de crescimento eficientes. Por exemplo, os paisagistas costumam colocar plantas com pouca luz sob variedades mais altas e com folhas para melhorar a fotossíntese. 

É também uma forma natural de prevenir a degradação ambiental e infestações de pragas. Alguns profissionais plantam erva-dos-gatos em torno dos perímetros da paisagem para manter as baratas afastadas. 

Por que as empresas precisam de um paisagismo sustentável 

Investir em paisagismo ecológico pode ser altamente benéfico do ponto de vista empresarial das seguintes maneiras: 

  • Benefícios ambientais: Projetar uma área externa para minimizar o impacto ecológico pode ser uma excelente forma de as organizações compensarem a sua pegada de carbono operacional.
  • Responsabilidade social: As empresas que priorizam as melhores práticas de sustentabilidade contribuem positivamente para a sociedade e melhoram o envolvimento da comunidade.
  • Melhor atração de talentos: As empresas que investem em paisagismo verde fazem uma declaração sobre as suas prioridades e podem ser capazes de atrair melhor candidatos talentosos que partilhem os seus valores. 
  • Aumento do valor do imóvel: Uma paisagem ecológica e bem conservada pode aumentar o valor de mercado de um edifício, tornando-o mais atraente para potenciais compradores ou inquilinos. 
  • Estética aprimorada: As plantas cultivadas em paisagens sustentáveis ​​podem prosperar com manutenção mínima, proporcionando beleza natural e cor durante todo o ano. Além disso, o uso da permacultura cria pontos focais e texturas interessantes ao longo da fachada do edifício. 

Adote as melhores práticas de paisagismo verde 

Abraçar os princípios de sustentabilidade é uma escolha ecologicamente responsável e uma decisão estratégica que pode diferenciar as empresas. A implementação da conservação da água, do cultivo de plantas nativas, do manejo orgânico de pragas e de outras práticas recomendadas permite que as empresas criem paisagens prósperas que ajudam o planeta.

Sobre o autor

Jack Shaw é o redator sênior da Modded, uma publicação sobre estilo de vida masculino. Um ávido homem do ar livre e amante da natureza, ele muitas vezes se vê fazendo retiros para explorar seu ambiente e incentiva outros a fazerem o mesmo. Seus escritos foram apresentados em sites como Duluth Pack, Tiny Buddha e muito mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.